You Are Here: Home » Artigos » Gratidão

Gratidão

SALMO 103.1-22

Bendize, ó minha alma, ao Senhor, e não te esqueças de nem um só de seus benefícios. (Sl 103.2.)

Ah, como as coisas comuns se tornam nobres, quando deixamos de nos sentir pobres, e, percebendo as riquezas de que dispomos, tomamos as mais simples palavras e compomos para o Senhor, com nossos atos, o mais lindo poema. Poema de gratidão, de amor, de adoração.

Já era noite, e a paciente pediu para conversar um pouco, pois precisava desabafar. Dizia-se cansada da vida de pobre. Ela e o marido, juntos, ganhavam apenas dois salários mínimos. Tinham um filho de sete anos e não podiam comprar-lhe muitas coisas. Não tinham ainda casa própria. E a jovem senhora chorava. A dentista, então, lhe sugeriu vender algumas coisas que possuía, e o seu problema seria resolvido. Por exemplo, ela viera ao consultório andando. Tinha as pernas perfeitas, enquanto muitos ricos estão em uma cadeira de rodas. Seus olhos, seu apetite, ou mesmo o filho; quanto valor! Existem tantas pessoas que têm dinheiro, podem pagar os melhores oftalmologistas, mas nunca puderam contemplar o pôr-do-sol ou o arco-íris.
Outros têm uma mesa farta, mas não podem comer. E quantos dariam tudo apenas para ter um fi lho. A gratidão nos põe mais ricos do que pensamos. Por isso, o salmista nos incentiva a não nos esquecer de nenhuma de suas dádivas. Experimente a gratidão e desfrute das bênçãos de Deus, pois elas enriquecem e não acrescentam dores. Pai de amor, graças te damos por todos os teus benefícios para conosco. Tu és maravilhoso e nos supres com tua bondade e misericórdia. Glória ao teu nome!

 

Extraído

 

Postado por: Pb. Ademilson Braga

Compartilhe!

Deixar um comentário

© Seara de Cristo - Todos os direitos reservados.

Scroll to top