You Are Here: Home » Artigos » Adolescentes » Como relacionar-se com o próximo

Como relacionar-se com o próximo

Texto: Pv 11.12; 18.24

A base para um bom relacionamento

Como é o seu relacionamento com as pessoas? Você sabia que a base da vida cristã é o amor a Deus e ao próximo? A Bíblia ensina que devemos amar a Deus sobre todas as coisas e ao próximo como a nós mesmos (Mt 22.37-39). A nossa relação com Deus é fator determinante para termos um bom relacionamento com as pessoas e com o mundo em que vivemos.

Amando o próximo

Devemos amar as pessoas sem distinção, independentemente da cor ou da posição social. O amor se manifesta por meio das nossas atitudes. A Bíblia mostra como devemos praticar o amor (Pv 25.21,22).

Fazendo ao outro aquilo que deseja para si

Amar é fazer ao outro aquilo que você deseja para si (Lc 6.31). Você gostaria que alguém zombasse ou falasse mal de você? Desejaria ser desprezado ou humilhado pelos colegas? Creio que não, pois todos desejam o melhor para si, não é mesmo? Portanto, antes de fazer alguma coisa que machuque o seu próximo, coloque-se no lugar dele.

Quem ama dá o melhor de si para ao outro

Há alguns anos, uma menina chamada Liz estava internada num hospital sofrendo de uma terrível e rara doença. A única chance de recuperação para ela seria uma transfusão de sangue. O seu irmão mais velho, de apenas cinco anos, era o único doador compatível. O médico explicou toda a situação para o menino e perguntou se ele aceitava doar o sangue dele para a irmã. Ele hesitou um pouco, respirou fundo e disse: “Está certo, eu topo, já que é para salvá-la… “À medida que a transfusão foi progredindo, ele começou a ficar pálido e com voz trêmula, perguntou: “É agora que eu vou começar a morrer?” Ele tinha interpretado mal as palavras do médico, porque pensou que teria que dar todo o sangue dele para salvar a irmã! Ele estava disposto a morrer por ela.
Como você pode observar, a base de um bom relacionamento é o amor. Quando amamos, somos capazes de compreender, aceitar, ajudar e dedicar energia para o bem-estar dos outros.

Aprendendo a se relacionar

Algumas pessoas sentem dificuldade de se relacionar com os outros. Geralmente permanecem isoladas, sentindo-se incapazes de conquistar amizades. O que leva uma pessoa a se sentir assim e como vencer essa dificuldade?

O problema da auto-estima

Às vezes o problema está relacionado à auto-estima. Quando a auto-estima é baixa, a pessoa se sente bloqueada, sem coragem de se aproximar das pessoas. Como vai seu amor próprio? Para responder a essa questão, basta analisar como você se olha, como se trata e qual a ideia que tem de si mesmo. Se você é uma pessoa extremamente acanhada, que não tem autoconfiança, fica sempre inibida quando obrigada a realizar alguma atividade e sente constantemente medo de fracassar, tem sérios problemas com sua auto-estima. Para vencer esse problema, aprenda a valorizar-se e aceite-se como é. Não se compare às outras pessoas e pare de dar importância ao que os outros acham ou pensam de você.

O medo da rejeição

Algumas pessoas não têm coragem de se aproximar de alguém para iniciar uma amizade porque têm medo de ser rejeitadas. Se você sente esse problema, não tenha medo. Treine, e aos poucos você chegará lá. No começo será difícil, no entanto, logo os primeiros resultados aparecerão. Imagine-se agindo diferente. Não mude seu jeito de ser. Você é um ser único, com características próprias. Não se preocupe em ser engraçado e extrovertido se é uma pessoa mais séria e introvertida. Aceite-se como é, e as pessoas também o aceitarão. Não tenha receio de fracassar. Acredite, e você conseguirá conquistar boas amizades.

Conservando as boas amizades

Devemos conquistar boas amizades. Já mostramos anteriormente que as falsas amizades conduzem ao caminho do mal. Por isso, conserve sempre as boas amizades. Uma amizade profunda e sincera pode ser algo difícil de conquistar, mas não é impossível.
Adquirir verdadeiras amizades é algo maravilhoso, porém é imprescindível saber conservá-las. Para isso, é importante sermos altruístas e sinceros com os amigos conquistados. Há pessoas que conseguem facilmente fazer novos amigos, porém têm dificuldades de mantê-los. Não vale a pena adquirir novos amigos se não tivermos uma relação de confiança e honestidade. Por isso, aprenda a se relacionar bem. Em Provérbios, encontramos a importância de algumas atitudes indispensáveis para aqueles que desejam conservar boas amizades.

Compreendendo o outro

O livro de Provérbios ensina que aquele que despreza o seu próximo não tem sabedoria (Pv 11.12). Mesmo quando os nossos amigos erram, precisamos saber cornpreendê-los. Não compensa perder uma amizade por causa de pequenas coisas. Os erros podem ser corrigidos, mas uma amizade destruída pode ser irreparável. Uma amizade profunda só é possível quando somos capazes de compreender as características da personalidade do outro e respeitar o modo do outro pensar e interpretar as coisas. Uma amizade tende a se acabar quando tentamos modificar a outra pessoa sem que ela queira, ou quando desejamos que o outro seja exatamente como queremos. Um bom relacionamento só pode ser conservado se formos capazes de conviver com o outro, apesar das diferenças. Portanto, procure respeitar as outras pessoas e aceitá-las como são.

Demonstrando respeito e carinho

Demonstrar carinho e respeito pelos amigos é também uma atitude indispensável para se manter uma boa amizade. O livro de Provérbios nos ensina a não abandonarmos os nossos amigos nas horas difíceis (Pv 27.10). Se você tem um amigo, mostre o quanto se preocupa com ele nas situações mais imprevisíveis e adversas de sua vida. Demonstre o quanto você o ama e se importa com ele. Essas atitudes farão com que a amizade entre vocês se fortaleça a cada dia.

Estabelecendo limites

Uma outra atitude indispensável para aquele que deseja conservar boas amizades é o estabelecimento de limites no relacionamento (Pv 25.17). Ter um amigo ou ser amigo de alguém é algo muito importante na vida. Uma pessoa que não tem amigos pode se sentir sozinha. Porém, precisamos ter cuidado para não exagerar nas nossas amizades, cobrando demais do outro, indo à sua casa com muita frequência, ou exigindo atenção excessivamente. Existem outras atitudes, apresentadas no livro de Provérbios, que são necessárias para a conservação das boas amizades como: agir com sabedoria (Pv 3.13,21-24) e com prudência (Pv 25.8), evitar a contenda (PV 10.12; 16.28), ter cuidado com a ira (Pv 14.17; 15.18) e praticar o perdão, temas que foram amplamente discutidos nas demais lições deste trimestre. Se você deseja conquistar novas amizades e conservá-las, não se esqueça de observar esses princípios.
Relacionar-se bem com os outros é uma arte que pode ser cultivada. É importante que você entenda que as pessoas nascem diferentes umas das outras e passam por experiências de vida diversas. Por isso, suas características e modo de pensar divergem das suas. Se você for capaz de compreender isso saberá se relacionar bem e conquistará muitos amigos.

 

Postado por: Pb. Ademilson Braga

 

 

Compartilhe!

Deixar um comentário

© Seara de Cristo - Todos os direitos reservados.

Scroll to top