You Are Here: Home » Artigos » E.B.D » Adultos - Betel » Uma serva de coragem

Uma serva de coragem

EDIÇÃO: 65 – 1º Trimestre – Ano: 2021 – Editora: BETEL

LIÇÃO – 13 – 28 de março de 2021

TEXTO ÁUREO

“E disse Ester: Se bem parecer ao rei, venha o rei e Hamã hoje ao banquete que lhe tenho preparado.” Ester 5.4

VERDADE APLICADA

A vida de Ester nos ensina e nos incentiva a viver uma vida com sabedoria.

TEXTOS DE REFERÊNCIA

Ester 2

8 – Sucedeu, pois, que, divulgando-se o mandado do rei e a sua lei e ajuntando-se muitas moças na fortaleza de Susã, debaixo da mão de Hegai, também levaram Ester à casa do rei, debaixo da mão de Hegai, guarda das mulheres.

9 – Ester, porém, não declarou o seu povo e a sua parentela, porque Mardoqueu lhe tinha ordenado que o não declarasse.

10 – Assim, foi levada Ester ao rei Assuero, à sua casa real, no décimo mês, que é o mês de tebete, no sétimo ano do seu reinado.

11 – E o rei amou a Ester mais do que a todas as mulheres, e ela alcançou perante ele graça e benevolência mais do que todas as virgens; e pôs a coroa real na sua cabeça, e a fez rainha em lugar de Vasti.

LEITURAS COMPLEMENTARES

Segunda-feira / Dt 31.6

Deus não nos deixa nem nos desampara.

Terça-feira / Js 1.9

Deus é contigo por onde quer que andares.

Quarta-feira / Sl 27.1

Deus é a minha luz e a minha salvação.

Quinta-feira / Sl 27.14

Deus fortalece o nosso coração.

Sexta-feira / Is 43.5

Deus é a nossa proteção.

Sábado / Fp 4.13

Deus é aquele que nos fortalece.

INTRODUÇÃO

Ester, mesmo em terra estranha, demonstrou que possuía um sólido sistema de crenças e valores refletidos ao lidar com diversas situações. Que possamos aprender com Ester a termos uma conduta de fé, vivendo não de acordo com o mundo, mas de acordo com a vontade de Deus.

I – ESTER, UM EXEMPLO A SER SEGUIDO

Na igreja de Cristo, tem lugar para todos. Deus permitiu que diversas mulheres fossem mencionadas em Sua Palavra, para que pudéssemos aprender que Ele não opera somente por intervenção dos homens. Ester é um grande exemplo de como Deus usa mulheres para demonstrar Seu poder. Contudo, é imprescindível que Seus servos não andem de acordo com o sistema que o mundo impõe. As regras que devem reger sua vida vêm do céu, direto do coração de Deus.

1. A relevância da beleza interior. Um servo admirável na presença de Deus chama a atenção, não é mesmo? Entretanto, a verdadeira beleza é a interior. A formosura de Ester encantou o guarda das mulheres, mais do que as outras. Embora todas fossem bonitas, Hegai via em Ester algo que as outras não possuíam: a beleza de coração. Devemos orar para que os cristãos sejam pessoas íntegras, capazes, afetuosos, afáveis, tranquilas e cheias de misericórdia.

2. Ester, uma história de sucesso. Para que a história de Ester tivesse sucesso, ela precisou da ajuda imprescindível do Senhor. A Bíblia nos narra que Hegai, o chefe das mulheres, foi o primeiro a ver a graça que Ester possuía, oferecendo-lhe sete moças de respeito da casa do rei para lhe servir (Et 2.9). Ester nos ensina que o crente que teme ao Senhor é uma joia rara, deixa fluir Sua graça através da sua vida diária. Uma luz rara que é vista por todas as pessoas. Ester era detentora de uma graça divina, fazendo dela uma serva especial diante de todos os que com ela conviviam.

3. Fazendo a diferença no mundo. Deparamo-nos na Bíblia com padrões admiráveis de mulheres que fizeram toda diferença em épocas nada favoráveis a elas: Maria Madalena, Ana, Joquebede, Débora, Rute, Abigail e Maria, mãe de Jesus, entre outras. Mas, o que fez essas mulheres serem tão especiais? Ester nos dá esta resposta, fazendo-nos perceber que, de fato, o que fez a diferença foi a entrega total ao Senhor. Ela nos mostrou que o amor a Deus sempre está presente na vida dos Seus servos.

II – Coragem para ser diferente

Ester mostrou-se ser uma mulher de coragem. Cada um de nós tem uma reação em relação aos obstáculos que surgem em nossa caminhada. Ester mostrou ser diferente de muitos. Quando tudo dizia que não tinha jeito, ela acreditou que a solução estava em Deus. Ela nos ensina a não murmurar, a não fugir da prova, indicando-nos que necessitamos estar aos pés do Senhor em todo o tempo, mesmo em meio aos infortúnios. Deixa-nos um legado: quando você não puder fazer mais nada, então Deus pode.

1. Deus deve estar no centro de nossa vida. Existem períodos em nossa vida em que temos a percepção de estarmos em algum lugar não apropriado. Ester entendeu muito bem esse sentimento. Durante toda a sua vida, ela se sentiu como uma forasteira, como alguém fora do lugar. Ester é alguém que pode descrever como é se sentir um peixe fora d’água. Entretanto Ester encontrou o verdadeiro desígnio de Deus para a sua vida. Através da história de Ester, somos encorajados a estar no centro da vontade de Deus (Rm 12.2).

2. Devemos ser fortes. Ester nos instrui que não devemos nos amedrontar perante os desafios da vida cristã. Sua história nos faz entender que Deus está disposto a abençoar a todos que o servem. A ordem para se esforçar e não perder o ânimo é constante nas Sagradas Escrituras. Foi determinada ao povo de Israel em ocasiões de ameaça e de provocação na época de Moisés (Dt 31.6), Josué (Js 10.25) e Ezequias (IICr 32.7).

Que possamos ter o entusiasmo de Ester para acreditarmos em Deus, ainda que andemos pelo vale da sombra da morte (Sl 23.4), ou ainda que a figueira não floresça, nem haja fruto na videira (Hc 3.17). Ainda assim devemos nos alegrar no Senhor.

3. Não tenha medo de sonhar. Todos nós temos sonhos. Mas nos surpreendemos com a quantidade de pessoas que limitam os próprios sonhos. Tornar os sonhos realidade é a aspiração de todo ser humano. Sonhamos com dias melhores, mas, para tornar nossos sonhos em realidade, precisamos demonstrar uma enorme vontade de vencer diariamente.

Ester nos ensina a abandonar a zona de conforto e a enfrentar a caminhada com a graça de Deus. O salmista expressou: “Deleita-te também no Senhor, e ele te concederá o que deseja o teu coração.” (Sl 37.4).

III – UMA MULHER VIRTUOSA

Como uma serva obediente, Ester agiu de maneira correta em todos os momentos. Ela espalhava a fragrância do Espírito Santo através de sua vida. Não se atenuava diante das dificuldades, pelo contrário, quando surgiam as lutas, ela se lançava aos pés do Senhor. Aprendemos com ela que é essencial ter uma vida de oração para ouvir os direcionamentos do Senhor. Observamos que o crente que teme o Senhor, esse, sim, é virtuoso. Afinal, como é deleitoso estar perto de Deus.

1. Uma bravura admirável. A vida de Ester foi um exemplo de que a bravura é mais admirável que o medo. Ester foi uma serva fiel, a serviço de Deus mesmo diante dos obstáculos que a vida lhe proporcionou. A história da rainha Ester é apenas uma dentre tantas outras histórias encontradas na Bíblia, a qual nos dá a confiança de que, se nos humilharmos, orarmos e jejuarmos, Deus escuta o nosso bramido e transforma a nossa história. Através da vida de Ester temos a certeza de que Deus nos faz prevalecer diante das lutas diárias.

2. Uma serva virtuosa. Um servo virtuoso guarda a sua língua do mal, ele sabe guardar segredo. A virtude da prudência na vida de Ester se revelou em não declarar, a princípio, a sua fé e a sua origem. Ester dizia somente o indispensável, sempre controlada, buscava conviver bem e sabia que aquele segredo fazia parte de um propósito de Deus para a sua vida. Na Bíblia, nossa língua é chamada de “mundo de iniquidade”…contamina todo o corpo…” (Tg 3.6). Uma língua que não está sob a autoridade do Espírito Santo invalida qualquer ministério espiritual (Tg 1.26).

3. O Senhor muda situações. Ester nos ensina que o comportamento do cristão se baseia num encontro pessoal com Deus. Aprendemos que para Deus nada é impossível (Lc 1.37). Ester apresenta que, mesmo diante de circunstâncias adversas, o Senhor pode mudar o rumo da história. A vontade de Deus é que todos os Seus servos se tornem irrepreensíveis e sinceros no meio de uma geração corrompida (Fp 2.15). Esta é a vontade de Deus para todos os seus filhos.

CONCLUSÃO

Vimos neste trimestre que Ester e Mardoqueu foram bem-sucedidos diante de tantos desafios por causa da confiança que tinham em Deus. Foi preciso muita fé e coragem para realizar o que eles realizaram. Que Deus levante servos de maneira intrépida para exercerem a liderança debaixo da Sua graça.

Postado por: Pr. Ademilson Braga

Fonte: Editora Betel

Compartilhe!

Deixar um comentário

© Seara de Cristo - Todos os direitos reservados.

Scroll to top