You Are Here: Home » Artigos » Obedecer é melhor do que sacrificar

Obedecer é melhor do que sacrificar

Não é o seu modo de vestir ou de falar que caracteriza você como cristão, mas, sim, a obediência. A obediência traz vitória. Se você é um crente obediente, você é vitorioso, é uma pessoa feliz, capaz de ensinar outras pessoas a serem obedientes e a se tornarem felizes.

Na época do nascimento de Jesus, já havia 400 anos que o último profeta se levantara. Antes da vinda do Senhor Jesus ao mundo, o contexto social da época era terrível. Houve um profeta chamado Salomão, que viu 400 anos à frente (Eclesiastes 4.1-2).

Jesus nasceu de uma virgem chamada Maria, que em obediência disse sim a Deus. No livro de Lucas 1.38 está escrito: “Aqui está a serva do Senhor; que se cumpra em mim conforme a tua palavra.” Então, Jesus nasceu em carne. Isaías profetizou o nascimento de Jesus, o Príncipe da Paz, 700 anos antes do nascimento dele e de seu ministério. Leia Isaías 9.6-7: “Porque um menino nos nasceu, um filho se nos deu; o governo está sobre os seus ombros; e o seu nome será: Maravilhoso conselheiro, Deus forte, Pai da eternidade, Príncipe da Paz.”

Em um mundo com bilhões de pessoas, Deus conhece você pelo nome. Ele sabe das situações no seu lar, no seu trabalho. Deus conhece os seus pecados, os traumas que apertam o seu coração, o que lhe causa tristeza, o que oprime você, as suas mágoas, o seu coração ferido, o que corrói a sua esperança, a culpa que sufoca você, não o deixando dormir, o trauma que machuca o seu coração. Deus sabe de tudo; no entanto, Ele ama você e lhe fala de forma tão clara que, se você lhe obedecer, bênçãos e prosperidade abundarão em sua vida. Mantenha os céus abertos. Não desobedeça ao Senhor, porque a desobediência traz a derrota, a morte, o céu de bronze.

Você é querido de Deus. O melhor que existe para Ele em todo universo é você. Deus é misericordioso; à medida que você caminha, Ele traz a misericórdia sobre você. Talvez ninguém lhe tenha declarado amor, porém a cada manhã Ele lhe diz: “Eu amo você. Você está vivo. Eu sou o seu Senhor, dou-lhe uma segunda chance e novas oportunidades a cada dia”. À medida que você caminha, vai percebendo essa realidade em sua vida. O céu aberto vem com o arrependimento, é dar a si mesmo uma segunda chance de ver Deus atuar na sua vida, de ver o poder dele se manifestar sobre você.

Jesus, em seu ministério, teve 100% de obediência a Deus, e Ele era homem. Ele padeceu como homem, foi tentado como homem, chorou como homem, contudo, soube o que é obedecer. Ele tinha comunhão com o Pai, por isso, pôde ser oferta de sacrifício agradável a Deus por nós.

No Monte das Oliveiras, Jesus orou intensamente pedindo ao Pai que, se possível, o livrasse da terrível dor que o esperava; no entanto, que se cumprisse a vontade do Pai (Mt 26.37-42).

Não existe um só pecado que Deus não odeie. Deus conhece apenas um caminho de salvação, que é a pessoa de Jesus Cristo, porque Ele se limitou, abriu mão de toda a sua onisciência, onipotência e onipresença. Ele não fazia nada que não tivesse visto o Pai fazer. Jesus não desobedeceu uma vez sequer. Ele foi obediente até a morte de cruz para que eu e você pudéssemos ser livres e ter uma vida agradável e de obediência a Deus.

 

 Extraído

 

 

 Autor: Pr. Márcio Valadão

 

Postado por: Pb. Ademilson Braga

Compartilhe!

Deixar um comentário

© Seara de Cristo - Todos os direitos reservados.

Scroll to top